DE ONDE ME VIRÁ O SOCORRO

 

Conta-se que um cavalo, caminhava feliz quando por descuido caiu em um poço que estava aberto.   Tentou desesperadamente sair, mas o poço era profundo e por mais que se esforçasse, não conseguiu.  Cansado e aflito, usou as forças que lhe restavam para lançar apelos tão altos quanto lhe era possível.

 Os relinchos atraíram pessoas até o poço. Muitas pessoas, as quais davam cada uma delas a sua opinião em como tirar o cavalo daquele lugar.

Seus esforços foram em vão.  Concluíram então que não poderiam tirar o cavalo de lá. Decidiram por sacrifica-lo.

Também decidiram que aquele poço aberto representava grande perigo á todos os que por ali circulavam e precisava ser fechado.

Havendo ali perto um monte de terra e entulho, trouxeram ferramentas e começaram a jogar a terra e o entulho no poço. Quando chegasse o momento sacrificariam o cavalo.

Aconteceu que, quando chegava no fundo do poço, a terra e o entulho que estavam sendo jogados sobre o cavalo, o animal instintivamente os sacudia de sobre as suas costas e os pisoteava, adquirindo assim um alicerce cada vez mais alto. Mais perto da saída do poço. E foi assim que o cavalo foi salvo e liberto do poço.

 Uma solução providencial que nenhuma daquelas pessoas havia pensado. A ajuda viera do alto, de fora do poço, pelas mãos das pessoas que haviam deixado de acreditar em uma salvação para aquele animal.

Quantas pessoas se acham em uma situação que comumente definimos como ” fundo do poço”.  Pessoas estas que já lutaram e fizeram tudo o que puderam sem, no entanto conseguirem se libertar nem obter exito.  Outras que cheias de sentimentos cristãos, ouvindo os seus apelos, se aproximaram para tentar ajudar e também não obtendo sucesso, falaram palavras de desesperança e de desanimo.

Não creem que possa haver uma solução. Que humanamente é impossível. Que não há saída. Que está terminado.

No livro de Salmos, em uma situação semelhante, de perigo iminente, de um lugar sem saída, o salmista diz: “Elevo meus olhos para os montes; de onde me virá o socorro?”  No verso seguinte vem a resposta:” O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra.” Salmo 121, versos 1 e 2.

O nosso socorro vem do alto.  Do Senhor Deus para quem não existe o impossível.

Através  do profeta Jeremias  Deus nos diz : “Clama a mim e responder-te-ei, e mostrar-te-ei coisas grandes e ocultas que não sabes.”   Jeremias  33 verso 3

O Senhor Deus é um Deus vivo, que ouve as nossas orações e nos responde. Interage conosco e nos ensina, nos ajuda. Entra com providencias a nosso respeito.  Quando as soluções humanas se tornam impossíveis, clame ao Senhor, porque é dele que vem a vitória.

As situações de fundo de poço nos enchem de medo. E o medo muitas vezes toma conta de nós e não nos deixa raciocinar. Sentimos-nos perdidos.

Através do profeta Isaías o Senhor diz: “Não temas, porque eu sou contigo; nem te assombres porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo e te sustento com a minha destra da minha justiça.”  Isaías 41 verso 10

Então, operando Deus quem o pode impedir?  Nada, nem ninguém.

A nós cabe buscar á Deus, crer nele, e nos apropriarmos pela fé das suas promessas. O nosso socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra.

Quanto ás palavras de desesperança, de desânimo, de fracasso, de frustração, de condenação que nos dizem, deve ser para nós como a terra e o entulho o foram para o cavalo. Devemos sacudi-las de nós, da nossa mente, do nosso coração e pisoteá-las, formando um alicerce mais alto para os nossos pés.

Quando vencemos estas palavras más que nos dizem, vencemos á nos mesmos em nossa natureza humana. Nos projetamos um degrau acima, rumo á estatura do varão perfeito. Rumo aos propósitos de Deus para nossas vidas

Pense nisto.

.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s